Posso ter um aplicativo de transporte na minha cidade?

Os aplicativos de transporte chegaram no país há cerca de cinco anos. Seus primeiros locais de trabalho foram Rio e São Paulo, as duas maiores cidades do país. Aos poucos os apps foram se expandido para outras capitais e depois em cidades de médio porte.

Em Joinville e Manaus, as empresárias da Woman’s Driver e da Madame Driverviram na dificuldade que as mulheres têm de achar um transporte seguro, a oportunidade de empreender.

Na região do Cariri, o app Bora alcançou 10 mil corridas realizadas no seu primeiro mês de funcionamento.

Além de tantos outros como a Servos de Fortaleza, que hoje conta com mais de 93 mil downloads nas lojas virtuais e 40 mil corridas realizadas por mês.

Empreender em uma área que une o melhor da tecnologia para enfrentar os problemas da mobilidade urbana, participando de um mercado que cresce a cada ano.

Ter seu espaço em um mundo que parece dominado por empresas multinacionais é possível.

Afinal, o mercado cresce e os olhos do mundo se voltam para o Brasil. O que se comprova quando um dos maiores apps do mundo, a chinesa Didi compra a brasileira 99ou quando a Uber anuncia queSão Paulo é a cidade com mais pedidos de corridas no mundo.

Não há como negar, as oportunidades neste mercado estão aparecendo. Mas afinal, sua cidade está pronta para ter um novo aplicativo de transporte ou até mesmo ter um primeiro app?

Problemas de mobilidade urbana nas cidades

Aplicativo de transporte só funciona em cidades grandes? Não. O tamanho da cidade não significa sucesso ou insucesso de um aplicativo. A Driver Machine desenvolve apps em todas as regiões do país, desde grandes capitais até cidades pequenas do interior do Brasil.

Problemas de mobilidade urbana ocorrem, infelizmente, em muitos locais do país. Avalie como anda a satisfação dos moradores da sua cidade com o serviço de transporte. Muitas vezes o seu serviço de transporte particular conseguirá suprir uma parte da necessidade de locomoção dos moradores.

Por exemplo, em diversas cidades, o movimento de ônibus circulando nas cidades diminui muito quando chega a noite. Isso torna mais complicada a vida dos moradores, que não conseguem, por exemplo, sair para se divertir. Isso tem um impacto na economia da cidade, que não pode ter sua vida noturna movimentada com bares e restaurantes.

Além disso, identifique regiões ou grupos específicos de pessoas que encontram dificuldade de se locomover pela cidade. Em das nossas publicações demos dicas de algumas categorias criativa de aplicativos de transporte. Vale a pena conferir.

Reclamação de motoristas

 Caso sua cidade já tenha aplicativos de transporte, identifique uma reclamação comum dos motoristas.

Geralmente, motoristas dos aplicativos mais famosos reclamam das altas taxas que são cobradas deles. Caso isso esteja ocorrendo, um novo aplicativo de transporte tem forte possibilidade de dar certo.

Outra reclamação comum é a falta de assistência dos apps. Aí entra uma vantagem do modelo de aplicativo regional, que permite um atendimento ao motorista mais personalizado, humano e próximo.

Caso sua cidade não tenha um aplicativo, essa é uma bela chance para inovar. Há alguns meses, a Driver Machine preparou uma lista de cidades de médio porte em que a Uber não operava. Vale a pena conferir, quem sabe não está aí uma bela chance para empreender.

Regulamentação

 Já tratamos no blog sobre a regulamentação dos aplicativos de transporte. A chamada PLC 28 alterou a lei federal de mobilidade urbana e definiu diretrizes do funcionamento do transporte por aplicativo.

Além de definir alguns tópicos como a obrigatoriedade do motorista possuir CNH de categoria B com EAR, delimitar características dos veículos, possuir certificado de registro e licenciamento e antecedentes criminais, a nova lei destinou a responsabilidade de regulamentar os aplicativos às cidades. Por isso, cada município terá a sua própria lei, observando a peculiaridade de cada local.

Assim, caso você queira abrir um app de transporte na sua cidade, vá até o site da prefeitura do seu município e descubra mais sobre as leis da sua cidade.

Conclusão

Qualquer cidade no Brasil está apta para ter um aplicativo de transporte. A tecnologia da Driver Machine permite que a plataforma seja usada na sua cidade. Por isso, observe a viabilidade de entrar nesse mercado. Pesquise o interesse de motoristas e clientes em ter acesso à um novo aplicativo e fique atento para a regulamentação da sua cidade.